Fórum NS - Discussões sobre animes, mangás e mais!
Bem vindo ao maior fórum de animes de Brasil & Portugal!

Não deixe de registrar sua conta para poder participar do fórum! Leia nossa POLÍTICA DE PRIVACIDADE e configure suas opções de privacidade: https://www.forumnsanimes.com/privacy (ao acessar nosso site, você aceita nossas políticas de privacidade)

Poste 5 mensagens no fórum para ativar o seu primeiro rank e começar sua jornada! Aqui, você irá fazer amigos, participar de eventos, subir de rank e até ganhar prêmios!

Fórum NS - Discussões sobre animes, mangás e mais!
Bem vindo ao maior fórum de animes de Brasil & Portugal!

Não deixe de registrar sua conta para poder participar do fórum! Leia nossa POLÍTICA DE PRIVACIDADE e configure suas opções de privacidade: https://www.forumnsanimes.com/privacy (ao acessar nosso site, você aceita nossas políticas de privacidade)

Poste 5 mensagens no fórum para ativar o seu primeiro rank e começar sua jornada! Aqui, você irá fazer amigos, participar de eventos, subir de rank e até ganhar prêmios!

Fórum NS - Discussões sobre animes, mangás e mais!
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.

Fórum NS - Discussões sobre animes, mangás e mais! Entrar

Anitta e o VMA 2022

+13
BOG
Comando Delta
Allan 900
Ryosuke
YamiNoKemono
Heisenberg
TyeYona
Rin
Atlas Titan
Orochilherme
Comando Omega
ShinobinoKami
Victor
17 participantes

descriptionAnitta e o VMA 2022 - Página 3 EmptyRe: Anitta e o VMA 2022

more_horiz
YamenoKemono escreveu:
Não venha com vitimização, é ruim e não dá nem pra dizer que tem uma mensagem de crítica social como é caso do rap e até de alguns funks raízes que merecem respeito. É ruim e apela pra sexualidade e bestialização do homem.

Daqui uns tempos ninguém vai lembrar dessa música e dificilmente ela vai emplacada mais algum sucesso fora do Brasil.


Quem está com vitimização, te manque, estou apenas trazendo o ponto de que a música não define um artista e
que ela não deve ser julgad apor tal, visto que cantando músicas de sexualidade e bestialização do homem, ela se 
tornou empresária, cantora Brasileira de mais sucesso atualmente e acumula uma fortuna de mais de 500 milhões 
de reais.

O Mercado atual é instável e sempre muda, assim como músicas antigas muitas das vezes não voltam a emplacar 
nas paradas atualmente, as delas que forem mais antigas também não iram.


Comando Omega escreveu:
"cantar funk não inferiozira ninguém"

o funk que os cara canta:


Independente, a música e letra que a pessoa canta não diminui ela em nada, é um trabalho, é um público que o
artista está atendendo, se ele faz é porque compram e por que vende.

ShinobinoKami escreveu:
O pop não é nem um gênero musical de verdade, música é arte, o pop é um produto, música é como um quadro, o pop é como uma camisa com a estampa desse quadro, é um produto que mistura diferentes gêneros, tira todo o significa artístico deles e transformando em algo que você usa e descarta esperando pelo próximo.


Inferiorizar o Pop e Funk não vai mudar o fato de que eles são atuais no cenário brasileiro e vão continuar provavelmente daqui
a 100 anos e isso não tem haver com "excluiu o funk raiz, acabou com a música..." a música assim como QUALQUER COISA na
humanidade, evolui e ela evoluindo não necessariamente vai agradar todos os gostos.

Se existe o POP e o FUNK é porque existe todo um público que consome, outra que as pessoas que escutam não tem que se 
encaixar em um quadro de inferioridade a quem escuta modão, jazz, sertanejo... Existem pessoas de bem, pessoas ricas e 
inteligentes que consomem esse estilo, ele está começando a se espalhar para fora do Brasil e isso com certeza não está 
acontecendo porque esses gêneros são um lixo, pode apostar.

Você fala sobre a música se tornar um produto, hã? Qualquer coisa hoje em dia está suscetível a se tornar um produto, o 
Brasil é um país capitalista, onde os preços e impostos estão lá no alto, você acha que algum artista que não seja consagrado 
já consiga sobreviver apenas de arte propriamente dita? Eles precisam se adequar ao que a maioria quer, ao que a maioria 
gosta.

Outra que músicas da Anitta sempre tiveram um valor social também, ela sempre incluiu pessoas negras, pessoas gordas, 
causas sociais de conscientização do câncer de mama, sobre o desmatamento da Amazônia, direitos par aos indígenas...
E eu posso trazer cada clipe, cada debate, cada vídeo onde ela traz esses assuntos a tona para conscientizar a população,
se quiser estou a disposição.

Sendo assim é muito fácil julgar pela música que a pessoa canta, pela letra, como se todo mundo aqui fosse criança e não
soubesse sobre responsabilidades e sobre interpretação, eu cresci ouvindo funks sobre drogas e álcool e mesmo assim não
uso drogas e nem bebo e muito menos fumo.

descriptionAnitta e o VMA 2022 - Página 3 EmptyRe: Anitta e o VMA 2022

more_horiz
Victor escreveu:
Inferiorizar o Pop e Funk não vai mudar o fato de que eles são atuais no cenário brasileiro e vão continuar provavelmente daqui a 100 anos e isso não tem haver com "excluiu o funk raiz, acabou com a música..." a música assim como QUALQUER COISA na humanidade, evolui e ela evoluindo não necessariamente vai agradar todos os gostos.

Se existe o POP e o FUNK é porque existe todo um público que consome, outra que as pessoas que escutam não tem que se
encaixar em um quadro de inferioridade a quem escuta modão, jazz, sertanejo... Existem pessoas de bem, pessoas ricas e
inteligentes que consomem esse estilo, ele está começando a se espalhar para fora do Brasil e isso com certeza não está
acontecendo porque esses gêneros são um lixo, pode apostar.

Você fala sobre a música se tornar um produto, hã? Qualquer coisa hoje em dia está suscetível a se tornar um produto, o
Brasil é um país capitalista, onde os preços e impostos estão lá no alto, você acha que algum artista que não seja consagrado
já consiga sobreviver apenas de arte propriamente dita? Eles precisam se adequar ao que a maioria quer, ao que a maioria
gosta.

Outra que músicas da Anitta sempre tiveram um valor social também, ela sempre incluiu pessoas negras, pessoas gordas,
causas sociais de conscientização do câncer de mama, sobre o desmatamento da Amazônia, direitos par aos indígenas...
E eu posso trazer cada clipe, cada debate, cada vídeo onde ela traz esses assuntos a tona para conscientizar a população,
se quiser estou a disposição.

Sendo assim é muito fácil julgar pela música que a pessoa canta, pela letra, como se todo mundo aqui fosse criança e não
soubesse sobre responsabilidades e sobre interpretação, eu cresci ouvindo funks sobre drogas e álcool e mesmo assim não
uso drogas e nem bebo e muito menos fumo.

Daqui a 100 anos não haverá pop, ele será substituído por algo ainda mais robótico e descartável, principalmente graças a evolução dos algoritmos e da IA. Sua lógica é absurda e errada, as coisas mudam, não evoluem, evoluir significa melhorar. Se sua lógica fizesse algum sentido, teríamos que afirmar que 50 tons de Cinza é melhor do que Shakespeare e Dostoiévski. Existe uma tendência na evolução porque o esperado é que a nova geração pegue o melhor que das antigas e tome como base, é a clássica frase do Newton se referindo a Euclides e Descartes: "Pude ver mais longe pois estava apoiado sobre os ombros de gigantes". 

O pop ou o funk pop, ou qualquer um desses gêneros de pop, não são a evolução da música, eles não pegam o melhor dos outros estilos músicas precedentes, eles são versões mais rasas e superficiais feitas para se aproveitar da alienação da maior parte das pessoas.

A maioria consome funk e pop pelo mesmo motivo que a maioria não lê, não estuda, não pensa, o cérebro tem uma tendência natural pela inação, mesmo que ouvir uma boa música vá te gerar uma sensação prazerosa ou pensativa no final, o cérebro ainda vai ter que se dá ao trabalho de absorver a música, no caso desses gêneros rasos não, são músicas repetitivas e chicletes sem conteúdo, o que permite que o cérebro fique em estado de inércia. Além disso tem a questão do estimulo e do tempo, essas músicas são mais rápidas e, como são vazias, o individuo pode fazer outra coisa escutando elas. E como são sobre sexo e com ritmos celerados, ou algo que estimula os instintos e produz a dopamina, como uma droga, o cérebro vai pedir por mais.     

Seu argumento também é completamente sem sentido, além disso que eu citei, novamente, POPULARIDADE NÃO SIGNIFICA QUALIDADE. Além disso eu nunca fiz um julgamento de quem escuta pop como inferior, o que eu afirmo é que o pop é um gênero inferior, um lixo, e feito para pessoas alienadas, isso é um fato. 

O produto citado por mim não no sentido de algo feito para ser vendido, a arte é um produto desde sempre, Da Vinci recebeu pela Mona Lisa, eu digo produto no sentido de um objeto sem valor artístico, por isso eu usei exemplos, há música é como o quadro de Da Vinci, o pop é como uma camisa estampada com a Mona Lisa. Percebe a diferença? Essa visão tem um quê de critica ao Capitalismo porque vivemos em uma sociedade da objetificação, isso é fato, e porque o primeiro cara a perceber que o pop estava matando a arte foi um cara de esquerda, o Adorno. Mas eu, talvez por não ser de esquerda, não acho que seja algo do Capitalismo, até porque ele tá aí há uns 300 anos e a música estava indo bem até pouco tempo. Eu acredito que isso se deve a aquilo que o Nelson Rodrigues chamou de "Revolução dos Idiotas", o mercado percebeu que os idiotas são uma massa consumidora grande e fácil.     

E por favor né, você vai me dizer que a Anitta produz esse tipo de música por causa dos impostos e para se sustentar? Sério mesmo? Se não fosse por isso ela seria a Aretha Franklin brasileira.    

Por favor cara, tenha respeito próprio. As músicas da Anitta tem valor social? Tudo bem então, traga essas músicas super conscientes da Anitta aí. 

O que isso tem a ver? Eu por acaso citei que a Anitta ou algum de seus pares é culpado por alguém usar drogas? Obviamente os idiotas procuram esse tipo de música, não são essas músicas que criam eles, elas são só mais um alimento para os animais.

descriptionAnitta e o VMA 2022 - Página 3 EmptyRe: Anitta e o VMA 2022

more_horiz
O funk realmente é um gênero mais nichado e vinculado a cultura brasileira, especialmente quando se analisa a cultura carioca. Mas o pop ?

É um gênero musical GIGANTESCO, altamente eclético e variado. Ele mescla justamente elementos de outros gêneros como rock, R&B, electro, soul, country, folk, rap, synthpop e vários outros estilos musicais.

O pop MAINSTREAM ATUAL você pode considerar como uma porcaria (o que ainda assim acho um absurdo, pois é altamente heterogêneo), pois realmente muitos artistas estão fazendo músicas de uma forma mais genérica em produção, de letras facilmente absorvíveis pelo grande público e muitos com o objetivo de hitar no tiktok. Mas isso é um dos segmentos atuais da música pop, não o gênero musical como um todo.

Vários dos maiores nomes da música mundial como Michael Jackson, Madonna, Celine Dion, Whitney Houston, Mariah Carey, Cher, Elton John, Janet Jackson, George Michael, Abba, Prince se consagraram na música pop.

Isso falando da antiga geração. Britney Spears, Coldplay, Black Eyed Peas, Christina Aguilera, Backstreet Boys, Lady Gaga, Beyonce, Katy Perry, Rihanna, Shakira e inúmeros outros da nova geração (2000 para cá) também são referência no quesito e possuem músicas dentre as melhores e mais memoráveis do século pelos críticos musicais.

descriptionAnitta e o VMA 2022 - Página 3 EmptyRe: Anitta e o VMA 2022

more_horiz
Comando Omega escreveu:





fascinante, certamente os jurados devem ter "analisado" bem o vídeo antes de julgar :GG:


descriptionAnitta e o VMA 2022 - Página 3 EmptyRe: Anitta e o VMA 2022

more_horiz
ShinobinoKami escreveu:
Seu argumento também é completamente sem sentido, além disso que eu citei, novamente, POPULARIDADE NÃO SIGNIFICA QUALIDADE. Além disso eu nunca fiz um julgamento de quem escuta pop como inferior, o que eu afirmo é que o pop é um gênero inferior, um lixo, e feito para pessoas alienadas, isso é um fato.


Você afirma que é um gênero inferior, eu afirmo que não é... Entende? pensamentos diferentes, visões diferentes, existem 
pops que usam todo um contexto para revolucionar todo um público, a Beyoncé está ai pra mostrar, todos os atos e toda a
influência que ela tem na população negra mundial, que acaba chegando nos brancos, não só ela mas diversos artistas do 
pop tem influências BOAS e SIGNIFICATIVAS em prol de uma minoria ou injustiça.

Se o pop que causa todas essas mudanças boas for considerado ruim e inferior, eu seguirei consumindo o inferior, vocês tem
que aprender que para prestigiar um gênero ou artista, não precisa inferiorizar outro, existem pops, funks realmente de 
qualidade inferior, mas generalizar é ser incoerente com as ações de grandes artistas que usam seus clipes como ativismo 
para alguma causa, assim como antigamente também existiam musicas de qualidades mais baixas, nem tudo são flores.

Então julgar apenas por não compactuar e generalizar o POP como se outros artistas não fizessem nada é fechar os olhos e
basicamente dizer "sou ignorante e apenas a minha opinião importa".

descriptionAnitta e o VMA 2022 - Página 3 EmptyRe: Anitta e o VMA 2022

more_horiz
@Victor perdão, mas o que a frase que você destacou no meu texto tem a ver com a sua resposta? De qualquer forma, não, primeiro, eu não afirmo que o Pop é inferior, eu afirmo que o Pop não é música, é um produto de baixa qualidade, lembrando que aqui eu estou tratando produto como sinônimo de algo que não é arte. Segundo, nada da sua resposta tem a ver com o pontos que eu levantei, do porque pop não ser arte, não ser música, ser ruim e feito para massas alienadas. Se Madre Teresa fosse uma cantora de música pop, isso não mudaria nada do que eu disse, estou tratando do gênero musical, não da qualidade moral dos artistas. 

Indo a sua resposta, Beyoncé e nenhum artista pop nunca mudou nada nem "tem influências BOAS e SIGNIFICATIVAS em prol de uma minoria ou injustiça", ela e todos os artistas pop VENDEM um PRODUTO e são uma marca, no caso ela vende o produto dela para um publico especifico e as ações dela são propagandísticas. E é engraçado porque, se você tivesse que ser coerente com essa lógica que quer aplicar, teria que ser fã desses padres que cantam de graça para arrecadar para a caridade e orquestras que são em sua maioria trabalhos sociais, não da Beyoncé e múltiplos a artistas pop que ficaram bilionários "ajudando as minorias".

descriptionAnitta e o VMA 2022 - Página 3 EmptyRe: Anitta e o VMA 2022

more_horiz
ShinobinoKami escreveu:
@Victor perdão, mas o que a frase que você destacou no meu texto tem a ver com a sua resposta? De qualquer forma, não, primeiro, eu não afirmo que o Pop é inferior, eu afirmo que o Pop não é música, é um produto de baixa qualidade, lembrando que aqui eu estou tratando produto como sinônimo de algo que não é arte. Segundo, nada da sua resposta tem a ver com o pontos que eu levantei, do porque pop não ser arte, não ser música, ser ruim e feito para massas alienadas. Se Madre Teresa fosse uma cantora de música pop, isso não mudaria nada do que eu disse, estou tratando do gênero musical, não da qualidade moral dos artistas. 

Indo a sua resposta, Beyoncé e nenhum artista pop nunca mudou nada nem "tem influências BOAS e SIGNIFICATIVAS em prol de uma minoria ou injustiça", ela e todos os artistas pop VENDEM um PRODUTO e são uma marca, no caso ela vende o produto dela para um publico especifico e as ações dela são propagandísticas. E é engraçado porque, se você tivesse que ser coerente com essa lógica que quer aplicar, teria que ser fã desses padres que cantam de graça para arrecadar para a caridade e orquestras que são em sua maioria trabalhos sociais, não da Beyoncé e múltiplos a artistas pop que ficaram bilionários "ajudando as minorias".

Ta mas e o Michael Jackson

Anitta e o VMA 2022 - Página 3 EV6EI-wWkAA52pe?format=jpg&name=900x900

descriptionAnitta e o VMA 2022 - Página 3 EmptyRe: Anitta e o VMA 2022

more_horiz
Rin escreveu:
ShinobinoKami escreveu:
@Victor perdão, mas o que a frase que você destacou no meu texto tem a ver com a sua resposta? De qualquer forma, não, primeiro, eu não afirmo que o Pop é inferior, eu afirmo que o Pop não é música, é um produto de baixa qualidade, lembrando que aqui eu estou tratando produto como sinônimo de algo que não é arte. Segundo, nada da sua resposta tem a ver com o pontos que eu levantei, do porque pop não ser arte, não ser música, ser ruim e feito para massas alienadas. Se Madre Teresa fosse uma cantora de música pop, isso não mudaria nada do que eu disse, estou tratando do gênero musical, não da qualidade moral dos artistas. 

Indo a sua resposta, Beyoncé e nenhum artista pop nunca mudou nada nem "tem influências BOAS e SIGNIFICATIVAS em prol de uma minoria ou injustiça", ela e todos os artistas pop VENDEM um PRODUTO e são uma marca, no caso ela vende o produto dela para um publico especifico e as ações dela são propagandísticas. E é engraçado porque, se você tivesse que ser coerente com essa lógica que quer aplicar, teria que ser fã desses padres que cantam de graça para arrecadar para a caridade e orquestras que são em sua maioria trabalhos sociais, não da Beyoncé e múltiplos a artistas pop que ficaram bilionários "ajudando as minorias".

Ta mas e o Michael Jackson

Anitta e o VMA 2022 - Página 3 EV6EI-wWkAA52pe?format=jpg&name=900x900

descriptionAnitta e o VMA 2022 - Página 3 EmptyRe: Anitta e o VMA 2022

more_horiz
#ShinobiEContraBeijoGrego

descriptionAnitta e o VMA 2022 - Página 3 EmptyRe: Anitta e o VMA 2022

more_horiz
Imagina argumentar sobre POP no fórum NS...

descriptionAnitta e o VMA 2022 - Página 3 EmptyRe: Anitta e o VMA 2022

more_horiz
Maria Ângela escreveu:
Imagina argumentar sobre POP no fórum NS...

Imagina argumentar no fórum NS.
#ShinobiApoiaElonMusk

descriptionAnitta e o VMA 2022 - Página 3 EmptyRe: Anitta e o VMA 2022

more_horiz
Rin escreveu:
ShinobinoKami escreveu:
@Victor perdão, mas o que a frase que você destacou no meu texto tem a ver com a sua resposta? De qualquer forma, não, primeiro, eu não afirmo que o Pop é inferior, eu afirmo que o Pop não é música, é um produto de baixa qualidade, lembrando que aqui eu estou tratando produto como sinônimo de algo que não é arte. Segundo, nada da sua resposta tem a ver com o pontos que eu levantei, do porque pop não ser arte, não ser música, ser ruim e feito para massas alienadas. Se Madre Teresa fosse uma cantora de música pop, isso não mudaria nada do que eu disse, estou tratando do gênero musical, não da qualidade moral dos artistas. 

Indo a sua resposta, Beyoncé e nenhum artista pop nunca mudou nada nem "tem influências BOAS e SIGNIFICATIVAS em prol de uma minoria ou injustiça", ela e todos os artistas pop VENDEM um PRODUTO e são uma marca, no caso ela vende o produto dela para um publico especifico e as ações dela são propagandísticas. E é engraçado porque, se você tivesse que ser coerente com essa lógica que quer aplicar, teria que ser fã desses padres que cantam de graça para arrecadar para a caridade e orquestras que são em sua maioria trabalhos sociais, não da Beyoncé e múltiplos a artistas pop que ficaram bilionários "ajudando as minorias".

Ta mas e o Michael Jackson

Anitta e o VMA 2022 - Página 3 EV6EI-wWkAA52pe?format=jpg&name=900x900


concordo que músicas pop são geralmente "fabricadas" mas isso não impede os cantores de realmente se dedicarem ao que estão fazendo tipo o michael

descriptionAnitta e o VMA 2022 - Página 3 EmptyRe: Anitta e o VMA 2022

more_horiz
Comando Omega escreveu:
Rin escreveu:
ShinobinoKami escreveu:
@Victor perdão, mas o que a frase que você destacou no meu texto tem a ver com a sua resposta? De qualquer forma, não, primeiro, eu não afirmo que o Pop é inferior, eu afirmo que o Pop não é música, é um produto de baixa qualidade, lembrando que aqui eu estou tratando produto como sinônimo de algo que não é arte. Segundo, nada da sua resposta tem a ver com o pontos que eu levantei, do porque pop não ser arte, não ser música, ser ruim e feito para massas alienadas. Se Madre Teresa fosse uma cantora de música pop, isso não mudaria nada do que eu disse, estou tratando do gênero musical, não da qualidade moral dos artistas. 

Indo a sua resposta, Beyoncé e nenhum artista pop nunca mudou nada nem "tem influências BOAS e SIGNIFICATIVAS em prol de uma minoria ou injustiça", ela e todos os artistas pop VENDEM um PRODUTO e são uma marca, no caso ela vende o produto dela para um publico especifico e as ações dela são propagandísticas. E é engraçado porque, se você tivesse que ser coerente com essa lógica que quer aplicar, teria que ser fã desses padres que cantam de graça para arrecadar para a caridade e orquestras que são em sua maioria trabalhos sociais, não da Beyoncé e múltiplos a artistas pop que ficaram bilionários "ajudando as minorias".

Ta mas e o Michael Jackson

Anitta e o VMA 2022 - Página 3 EV6EI-wWkAA52pe?format=jpg&name=900x900


concordo que músicas pop são geralmente "fabricadas" mas isso não impede os cantores de realmente se dedicarem ao que estão fazendo tipo o michael



1:11 hahahahaha

Bom demais esses filmes.

Orochi Jackson mandou até uma troca de corpo ai no final do vídeo depois do Charlie Sheen tentar finalizar ele.  :horak:

descriptionAnitta e o VMA 2022 - Página 3 EmptyRe: Anitta e o VMA 2022

more_horiz
Parabens a Anitta pela conquista. Acho ela uma boa cantora? Não... não acho. Não tem nem voz, nem musicas que mereçam destaque. Mas a qualidade das musicas despencou demais... A Anitta sabe fazer sucesso usando o sistema de hoje. Então parabéns ai gata...

descriptionAnitta e o VMA 2022 - Página 3 EmptyRe: Anitta e o VMA 2022

more_horiz
Acho a conquista legal, mas não torço por ela, porque a considero uma péssima representante brasileira no que diz respeito a personalidade, a como ela se porta na mídia. A acho arrogante e pedante. Parece que tem 5 reis na barriga. É essa minha opinião.
Permissões neste sub-fórum
Não podes responder a tópicos