Fórum NS - Discussões sobre animes, mangás e mais!
Bem vindo ao maior fórum de animes de Brasil & Portugal!

Não deixe de registrar sua conta para poder participar do fórum! Leia nossa POLÍTICA DE PRIVACIDADE e configure suas opções de privacidade: https://www.forumnsanimes.com/privacy (ao acessar nosso site, você aceita nossas políticas de privacidade)

Poste 5 mensagens no fórum para ativar o seu primeiro rank e começar sua jornada! Aqui, você irá fazer amigos, participar de eventos, subir de rank e até ganhar prêmios!

Fórum NS - Discussões sobre animes, mangás e mais!
Bem vindo ao maior fórum de animes de Brasil & Portugal!

Não deixe de registrar sua conta para poder participar do fórum! Leia nossa POLÍTICA DE PRIVACIDADE e configure suas opções de privacidade: https://www.forumnsanimes.com/privacy (ao acessar nosso site, você aceita nossas políticas de privacidade)

Poste 5 mensagens no fórum para ativar o seu primeiro rank e começar sua jornada! Aqui, você irá fazer amigos, participar de eventos, subir de rank e até ganhar prêmios!

Fórum NS - Discussões sobre animes, mangás e mais!
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.

Fórum NS - Discussões sobre animes, mangás e mais! Entrar

Regular a mídia é algo bom?

+7
YamiNoKemono
ShinobinoKami
K
Paçoca do Mato
Comando Omega
Rin
Staz
11 participantes

descriptionRegular a mídia é algo bom?  - Página 2 EmptyRe: Regular a mídia é algo bom?

more_horiz
ZeroFixe escreveu:
Enquanto uns candidatos possuem 2hrs em rede nacional pra discutir ideias pra privatizar a própria mãe, outros são disponibilizados 30 segundos. Coloco em questão aqui a democracia, pra quem e aonde?


Isso já foi importante, e inclusive isso foi criado justamente para beneficiar determinado partido.
Mas hoje graças a internet, isso é irrelevante.
O candidato Jair ganhou com pouquíssimo tempo em rede nacional, mas era um sucesso na internet.

Por isso hoje querem regular a internet, e retroceder ao que era na época das mídias centralizadas.

descriptionRegular a mídia é algo bom?  - Página 2 EmptyRe: Regular a mídia é algo bom?

more_horiz
liberdade provisoria. Já falei isso em outra postagem, acho que a liberdade não deve ser desmedida, até por que, se não eu posso oprimir outro e diminuir a liberdade desse terceiro. Porem existe alguns pontos importantes aqui. 1- A lei já contempla isso, ou seja, eu posso falar o que eu quiser, mas se eu for racista (Por exemplo), eu posso ser julgado e ser condenado na justiça por injuria racial. Então, posso fazer o que eu quiser, mas existem consequências. 2- Acho um absurdo o que o STF fez com empresarios recentemente. Não estou falando de que devemos apoiar o lado politico deles, não é isso... mas é perigoso demais apoiar um ditador (Alexandre de Moraes) que decide que pode usar conversas privadas para rolar uma caça as bruxas a quem ele não gosta. Eu quero poder entrar nos meus grupos, e falar as besteiras que eu quiser de forma privada.

Pra mim é importante presar pela liberdade que estão tentando cercear a um bom tempo... mais violentamente nesses últimos meses.

descriptionRegular a mídia é algo bom?  - Página 2 EmptyRe: Regular a mídia é algo bom?

more_horiz
ZeroFixe escreveu:
Vou pegar de exemplo o que vemos hoje em dia por estarmos em tempo de eleição.

Respondendo a pergunta: é bom pra quem as controla. Vivemos numa "democracia", meu voto vale o mesmo do William Bonner em teoria, mas na prática não comando o principal telejornal brasileiro. Nem ninguém aqui.

Enquanto uns candidatos possuem 2hrs em rede nacional pra discutir ideias pra privatizar a própria mãe, outros são disponibilizados 30 segundos. Coloco em questão aqui a democracia, pra quem e aonde? Sempre houve controle e sempre vai existir. Informação, mídia, dados são objetos de guerra, ou usados para tal.

Democratização dos meios de comunicação no Brasil já era pra ter acontecido a muito tempo, mas Lula/PT fez pacto com essas famílias citadas acima, turbinando com dinheiro público inclusive.

Quem faz pacto com a burguesia, paga. Caso vença as eleições novamente, e se concluir o mandato, ainda tem essa perspectiva, vamos ver o que o próprio fará, ainda mais com Alckmin de vice.

Que piada.
:horak:

Isso mesmo PCO e PSTU tem menos de 1% de voto e nunca elegeram um único candidato para qualquer cargo porque não tem 2 horas de horário de propaganda eleitoral. Realmente, nós nunca vimos candidatos com tempo de TV irrelevantes terem votações expressivas (mesmo antes da Internet) e até vencerem as eleições. 

Com certeza isso nada tem a ver com os valores que esses partidecos defendem.

descriptionRegular a mídia é algo bom?  - Página 2 EmptyRe: Regular a mídia é algo bom?

more_horiz
Staz escreveu:

Isso já foi importante, e inclusive isso foi criado justamente para beneficiar determinado partido.
Mas hoje graças a internet, isso é irrelevante.
O candidato Jair ganhou com pouquíssimo tempo em rede nacional, mas era um sucesso na internet.

Por isso hoje querem regular a internet, e retroceder ao que era na época das mídias centralizadas.

Em teoria, na materialidade isso não existe, elas já são reguladas. Redes sociais são muitas coisas, uma delas é ser uma poderosa base de coleta diário de dados.

Informação é poder e dinheiro.

Por exemplo, empresas pagam muito dinheiro para ter informações detalhadas de milhões e bilhões de pessoas sobre hábitos de consumo, o que elas pensam, o que conversam, tendências políticas etc. Ou seja, a partir da captura desses dados dá pra fazer manipulação de tendências comerciais, políticas e eleitorais.  

A internet no ocidente é basicamente monopólio de algumas empresas estadunidenses: Google, Apple, Microsoft, Youtube, Facebook, Twitter, Instagram. Todas essas empresas ligadas ao governo dos EUA vivem captando dados de qualquer país não soberano. País não soberano, por exemplo o nosso, que não tem poder contra isso, ou controle.

Redes sociais foram fundamentais na eleição de Bolsonaro, assim como no apoio a lava jato, ou desmonte da Petrobrás. Essas redes americanas atendem interesses da geopolítica dos EUA.  

E de relevância da TV aberta devemos levar em conta que o acesso a internet no Brasil é desigual, grupo de desconectados e parcialmente desconectados chega a quase metade da população. Isso não se faz frente ao JN (ou Globo, como um todo) que chega a 94% do território brasileiro. A mesma coisa o alcance das novelas.
Paçoca do Mato escreveu:
liberdade provisoria. Já falei isso em outra postagem, acho que a liberdade não deve ser desmedida, até por que, se não eu posso oprimir outro e diminuir a liberdade desse terceiro. Porem existe alguns pontos importantes aqui. 1- A lei já contempla isso, ou seja, eu posso falar o que eu quiser, mas se eu for racista (Por exemplo), eu posso ser julgado e ser condenado na justiça por injuria racial. Então, posso fazer o que eu quiser, mas existem consequências. 2- Acho um absurdo o que o STF fez com empresarios recentemente. Não estou falando de que devemos apoiar o lado politico deles, não é isso... mas é perigoso demais apoiar um ditador (Alexandre de Moraes) que decide que pode usar conversas privadas para rolar uma caça as bruxas a quem ele não gosta. Eu quero poder entrar nos meus grupos, e falar as besteiras que eu quiser de forma privada.

Pra mim é importante presar pela liberdade que estão tentando cercear a um bom tempo... mais violentamente nesses últimos meses.

Entendo seu ponto e também sou contra o que certo ministros do STF estão fazendo de forma inconstitucional, nem defendo o poder inclusive, mas sobre questão de conversas de forma privada isso não existe.
ShinobinoKami escreveu:

Que piada.
:horak:

Isso mesmo PCO e PSTU tem menos de 1% de voto e nunca elegeram um único candidato para qualquer cargo porque não tem 2 horas de horário de propaganda eleitoral. Realmente, nós nunca vimos candidatos com tempo de TV irrelevantes terem votações expressivas (mesmo antes da Internet) e até vencerem as eleições. 

Com certeza isso nada tem a ver com os valores que esses partidecos defendem.

Não sou eleitor dos partidos citados mas são valores de ruptura com o que está aí. É mais fácil colocar um NPC do Partido Novo falando sobre pautas que vemos todos os dias sendo defendidas em Globo News, JN, CNN...

"Empreendedorismo"
"Fiscalização/Teto de gastos"
"Privatização de estatais"
"Armar a polícia"

Estamos nesse tipo de política desde o segundo mandato da Dilma, e teve melhoria pra população em alguma coisa?

descriptionRegular a mídia é algo bom?  - Página 2 EmptyRe: Regular a mídia é algo bom?

more_horiz
Deusa Hinata escreveu:
Se for blogueiro, youtuber, tiktoker, twitter, ou sei la o que falso, pode regular! KKK

A verdade devia apenas andar em revistas para reduzir a burrice, em televisões e radio.
Na internet, a sua maioria não respeita qualidade de informação, ouviu então fala como se fosse noticia verdadeira.

Devia haver expensão da sociedade civil na mídia, para evitar censura.

Percebe-se como evita a burrice.

descriptionRegular a mídia é algo bom?  - Página 2 EmptyRe: Regular a mídia é algo bom?

more_horiz
ZeroFixe escreveu:
Não sou eleitor dos partidos citados mas são valores de ruptura com o que está aí. É mais fácil colocar um NPC do Partido Novo falando sobre pautas que vemos todos os dias sendo defendidas em Globo News, JN, CNN...

"Empreendedorismo"
"Fiscalização/Teto de gastos"
"Privatização de estatais"
"Armar a polícia"

Estamos nesse tipo de política desde o segundo mandato da Dilma, e teve melhoria pra população em alguma coisa?

Seu argumento continua fora da realidade, é até absurdo você falar isso quando Bolsonaro está no poder, um cara que não só ia na Globo falar mal dela, como venceu se vendendo como "anti-sistema". O próprio principal adversário dele na eleição atual venceu pela primeira vez com o mesmo tipo de discurso, apelando para o populismo e a lógica "anti-sistema". 

Tanto isso como um do seus próprios exemplos prova como você está errado, o argumento do "Armar a polícia" é algo pelo qual o establishment midiático tem abjeção, é considerado, veja só, um argumento populista, é o tipo de coisa que se encontra na mídia populista e de baixo calão, não na grande mídia, e é algo que emana da população para essa mídia de caráter popular e local, que inclusive o establishment abre a boca com orgulho para falar: "não é jornalismo". 

Se o seu argumento tivesse razão, primeiro, a grande mídia teria que ser populista, afinal a vontade popular estaria a cargo dela, não sendo, candidatos populistas como Bolsonaro e Lula na primeira eleição que ganhou nunca chegariam ao poder, e no caso em que fosse, as ideias populares teriam que partir dela, não o contrario. 

A mídia não tem qualquer poder real sobre as massas, tudo que ela pode fazer é, no máximo, manipular uma ideia já pré-estabelecida, exemplo: a massa não gosta de um governo e então a mídia fala, "esse governo causo tal problema", dando a massa um argumento para seu descontentamento, mesmo que o politico não tivesse real pode sobre o problema mencionado. Ou desorientar as massas, mas em ambos os casos é necessário que não exista um líder forte e popular guiando as mesmas massas. 

Tudo que a grande mídia faz é propagar as ideias da elite, que normalmente não só não são aceitas pela massa, como são rechaçadas.
Permissões neste sub-fórum
Não podes responder a tópicos