Fórum NS - Discussões incríveis sobre animes e mangás!
Bem vindo ao maior fórum de animes de Brasil & Portugal!

Não deixe de registrar sua conta para poder participar do fórum! Leia nossa POLÍTICA DE PRIVACIDADE e configure suas opções de privacidade: https://www.forumnsanimes.com/privacy (ao acessar nosso site, você aceita nossas políticas de privacidade)

Poste 5 mensagens no fórum para ativar o seu primeiro rank e começar sua jornada! Aqui, você irá fazer amigos, participar de eventos, subir de rank e até ganhar prêmios!

Fórum NS - Discussões incríveis sobre animes e mangás!
Bem vindo ao maior fórum de animes de Brasil & Portugal!

Não deixe de registrar sua conta para poder participar do fórum! Leia nossa POLÍTICA DE PRIVACIDADE e configure suas opções de privacidade: https://www.forumnsanimes.com/privacy (ao acessar nosso site, você aceita nossas políticas de privacidade)

Poste 5 mensagens no fórum para ativar o seu primeiro rank e começar sua jornada! Aqui, você irá fazer amigos, participar de eventos, subir de rank e até ganhar prêmios!

Fórum NS - Discussões incríveis sobre animes e mangás!
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.

Fórum NS - Discussões incríveis sobre animes e mangás! Entrar

[Nature Island] Derrote-me se for capaz

2 participantes

description[Nature Island] Derrote-me se for capaz Empty[Nature Island] Derrote-me se for capaz

more_horiz
[Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar esta imagem]
TURNO 01

Seguindo as convicções de seus pais, Sammy seguiu para o mar e eventualmente chegou em Nature Island, através de uma carona de navio - Cuidado com as pessoas dessa ilha, eles não são muito... ... receptivos a estrangeiros, ainda mais piratas... mas enfim, adeus - Disse o senhor que era o capitão do navio de porte pequeno que Sammy havia desembarcado. Logo em seguida partiu rumo a outra ilha.

O cais era simples mas bem arrumado, havia alguns navios ancorados e a movimentação de pessoas não era baixa, perto dali havia um mercado de peixes. De onde Sammy estava era possível ver o galpão de madeira onde acontecia o tal mercado, o cheiro não chegava tão longe então o rapaz não sentia nada.

Entre as pessoas que iam e vinham, o jovem pirata notou algumas pessoas diferentes, entre eles uma dupla que lembravam cavaleiros, usando partes de uma armadura de metal. Um deles portava uma katana embainhada na cintura e o outro segurava um rifle de médio/longo alcance com as duas mãos. Andavam com expressões sérias e olhando um por um dos presentes no local.

Ao se depararem com Sammy, eles conversaram rapidamente entre si e logo se aproximaram do rapaz - Ei garoto, você não é daqui... está perdido?

[Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar este link]

description[Nature Island] Derrote-me se for capaz EmptyRe: [Nature Island] Derrote-me se for capaz

more_horiz
Na saída de minha aventura, me adentrando no navio através de uma carona que me ofereceram para ilha Nature Island, ouço que disse o Capitão do navio sobre a ilha e falo para o mesmo agradecendo – Obrigado Senhor Capitão, mas tomarei cuidado, se cuida em suas viagens. –, ao desembarcar me deparo com um cais simples e bem organizado, aos meus arredores vejo outros navios parados com pessoas entrando e saindo com caixote e mercadorias. Olhando para longe a visto um depósito de comercial com vendas de peixes, onde só pelo odor de alguns pontos do cais, onde nem preciso chegar perto para não feder minha roupa.

Ao ficar olhando para todos os lados, vejo uma dupla de pessoas com uma vestimenta de cavaleiros e fico pensando, —
Sammy Kurosaki (Pensamento) escreveu:
Olha só, duas pessoas vestidas de cavaleiro?
Hmm. Será que eles não sabem, que não estamos na idade média?
Ou será que são pessoas da marinha? Porque meu pai disse antes de começar minha aventura – "Cuidado com a Marinha." –
Espera aí, olhando melhor, eles estão armados com uma Katana e um Rifle, por que isso?
O que eles estão vindo em minha direção, o que eu faço? o que eu FAÇO? o que EU FAÇO? O QUE EU FAÇO?

 — quando chegando perto de mim e fala comigo, fico estático um pouco com a voz baixa respondo – Naããããããão Senhor, não sou daqui e estou em uma aventura, e no momento não estou perdido ainda. – e fico um pouco envergonhado com esses cavaleiros, mas com uma aparência séria com a mão na minha espada caso queira tentar algo comigo.

[Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar este link]

description[Nature Island] Derrote-me se for capaz EmptyRe: [Nature Island] Derrote-me se for capaz

more_horiz
TURNO 02



A voz do cavaleiro que havia feito a pergunta era normal, nem tão grave e nem tão aguda, e tinha um resquício de rouquidão. Já a voz do segundo cavaleiro, que segurava o rifle, era bem grave. Ambos com aproximadamente um metro e noventa de altura. Com ar de indiferença e uma leve hostilidade, o segundo cavaleiro questionou.

- Aventura?
- Mais uma criança atrás do coliseu... - Respondeu o primeiro se intrometendo, deduzindo a aventura do garoto.
- Tsc... - O segundo soltou com certo ar de deboche, logo deu de costa e foi conversar com um rapaz que estava puxando um carrinho com algumas caixas.
- Cuidado para não morrer, o coliseu não é lugar pra criança - Terminou o primeiro ainda com ar sério, enquanto olhava para seu parceiro que seguiu para falar com o rapaz das caixas.
- Fique com isso - o primeiro cavaleiro deu um mapa para o garoto, em seguida foi para junto de seu parceiro receber as caixas.

[Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar esta imagem]
Mapa de Wreckers Reef

No mapa mostra o nome da vila: Wreckers Reef e que estava localizada a oeste da ilha. O porto que Sammy havia desembarcado era o porto onde a pesca era muito abundante, não era o ponto principal por onde os visitantes normalmente chegavam para aventuras no Coliseu, que ficava em outro ponto da ilha e portanto através de outro porto, caso venha por mar. O mapa também mostrava o galpão e mercado de peixe a esquerda, bem próximo do porto, com a madeira mais amarelada, indicando velhice, mas nem por isso acabada e descuidada.

O navio de Sammy havia estacionado no primeiro deck, por isso dava para ver o mercado. Seguindo a rua para a esquerda e depois indo para a direita, segundo o mapa, era possível ver uma feira no centro. Em volta da feira havia restaurantes e hotéis. As outras casas indicadas no mapa aparentavam ser particulares, já que não havia marcação.

A aventura que Sammy desejava acabara de começar.

[Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar este link]

description[Nature Island] Derrote-me se for capaz EmptyRe: [Nature Island] Derrote-me se for capaz

more_horiz
Enquanto os cavaleiros estavam fazendo algumas perguntas, percebo que ambos era bem alto quanto a mim que só possuía uma metrô e quarenta e cinco de altura, mas além da altura vejo que eles possui um ar de hostilidade e além de indiferença. 

Antes de responder penso o seguinte 
Sammy Kurosaki (Pensamento) escreveu:
Porque eles estão com essa ar de hostilidade e indiferença? 
Será que eles estão procurando algum criminoso ou algum pirata ou algum ladrão ou o que? Hmmm.
Tomara que não descubra que sou um pirata, se não minha aventura irá acabar, mas pensando bem, ainda não cometi nenhum delito e nada, então posso ficar tranquilo sobre isso.

.

Ao levante alguns questionamentos no meu pensamento, recebo outra pergunta do guarda e a respondo da seguinte maneira — Sim Senhor Cavaleiro, Aventura. Tem algum problema?  —, com meu corpo já soando frio e expressão calma e séria no rosto, e com a mão em minha espada. Respondo o outro cavaleiro — Olha Senhor Outro Cavaleiro, não sabia que tinha um Coliseu aqui nessa ilha. Foi bom o Senhor ter me falado, mas não irei para lá. Sabe porquê? Porque acho que não tenho idade suficiente para o Coliseu e não tenho força o suficiente para enfrentar alguém lá, então passarei dessa vez, mas quem sabe no futuro próximo. — , onde fico um pouco menos preocupado quando um cavaleiro me ignora e se vira para trás indo em outra direção e conversando com outro rapaz mais próximo.

Antes de me virar e ir para outra direção um dos cavaleiros fala comigo entregando uma coisa e vejo que é um mapa, e respondo ao cavaleiro — Obrigado Senhor Cavaleiro por esse mapa, pelo menos agora saberei por onde andar nesse pequeno cais e vilarejo. — , agora sabendo o nome do vilarejo que me encontro, fico olhando para as coisa e fazendo as comparações ao mapa.

Ando em várias direções chego ao que parece no centro do vilarejo e me deparo com uma feira, e para um pouco e penso
Sammy Kurosaki (Pensamento) escreveu:
Será que tipo de mercadorias tem nessa feira, estou intrigado?
Pior que sai de casa somente com 4.000.000 Berries, acho que não dará para comprar nada, e nem sei se dará para comer ou dormi.
Então o que será que faço?
Será que procuro algum serviço? Ou Será que roubo algo? Hmm, melhor não roubar. Não quero ser um pirata ladrão desse jeito. Quero ser um pirata que ajude os outros e crie afinidades de amizade.
Mas vamos ver o que pode acontecer agora?

, continuo andando vejo restaurantes e hotéis, e mas fico encostado em uma árvore descansando um pouco com a mão em minha espada sempre, esperando algo acontecer para ajudar alguém que precise.

[Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar este link]

description[Nature Island] Derrote-me se for capaz EmptyRe: [Nature Island] Derrote-me se for capaz

more_horiz
TURNO 03



Sammy seguiu para o centro da pequena vila e viu uma feira. A feira comercializava várias bugigangas, como pentes, camisas e decorações. Havia estátuas, pinturas, anéis, colares e vários outros tipos de arte. Havia barraquinha para quase todos os tipos de lembrancinhas. Alem dessas barracas também havia barracas de comida, com vários tipos de pratos com peixe e frutos do mar. Desde Sushi, Sashimi, Takoyaki, etc... até comidas assadas e cozidas nas brasas de uma churrasqueira. O cheiro dessas barraquinhas era de puro peixe sendo preparado. As pessoas não estavam tristes, pelo menos as que comiam sentadas em bancos que ficavam espalhados pelos mais diversos lugares daquele centro. Ouvia risadas, crianças brincando e animais fazendo barulho.

Já as pessoas que trabalhavam pareciam estar mais cansadas, algumas com olheiras e outras bocejando. Muitas demonstravam estar exaustas. Enquanto olhava ao redor para ter uma noção do clima daquela vila, Sammy ouviu o grito de uma mulher.

- EIIIIII, VOLTE AQUI!!!! - A mulher que gritou pertencia a uma das barracas de comida. Dessa barraca saia um vulto envolvido por um manto e capuz preto, Sammy não conseguiu ver o rosto porque ele tinha uma mascara. Pela rapidez do ocorrido o jovem não conseguiu ver alguma particularidade da mascara, apenas que era branca. O vulto preto seguiu correndo rua acima e estava no campo de visão do jovem aventureiro, jaz que a rua era uma subida.

Sammy poderia tentar correr atrás do vulto, já que conseguia vê-lo. Poderia ajudar a mulher que estava de joelhos no chão chorando, ou não fazer nada e seguir sua vida normalmente.

[Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar este link]

description[Nature Island] Derrote-me se for capaz EmptyRe: [Nature Island] Derrote-me se for capaz

more_horiz
Sammy antes de encostar na árvore para descansar segurando sua espada na mão sem desembanhar, passa entre as barracas da feira e ver vários tipos de objetos, e quando chegar nas barracas de comida sente o cheiro de peixes sendo preparados vários pratos. Já encostado na árvore, ouve risadas de crianças brincando e animais fazendo barulho, e penso nas seguintes coisas enquanto isso descanso.

Sammy Kurosaki (Pensamento) escreveu:
Nossa passando naquelas barracas de comida, me abriu um apetite para comer algo. Mas pena que não possuo dinheiro suficiente para comprar algo para comer.

Vendo essas crianças brincarem, me dar uma vontade de brincar também, mas não. Tenho que resistir firme para e ficar prestando atenção para ver se algo interessante acontece.


Quando me encontro descansando no meus pensamentos, ouço uma mulher gritando. Vejo de onde veio o grito e percebo qual era a barraca, quando percebo uma figura misteriosa parecendo como vulto, por está vestido com um manto com capuz preto, só vejo no rosto dele uma máscara branca onde não dá para identificar nada.

Ao ver para onde o jovem estava indo numa direção de uma rua com uma subida,e começo segui-lo para ver até onde vai, ou onde está se escondendo. Enquanto estou seguindo e correndo atrás do jovem, penso no seguinte.

Sammy Kurosaki (Pensamento) escreveu:
Porque aquele jovem mascarado, roubou aquela mulher da barraca de comida?
Será porque estava com muita fome?
Porque ele não pediu educadamente?
Será que é um ladrão? Ou um Pirata?
Hmmmmmm...
Quero ver onde ele está indo. Será que um esconderijo? Será que tem outras pessoas nesse lugar?
Muitas perguntas e sem nenhuma resposta.
Quero ser um pirata que ajude os outros, mesmo que demore em ser reconhecido.


[Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar este link]

description[Nature Island] Derrote-me se for capaz EmptyRe: [Nature Island] Derrote-me se for capaz

more_horiz
TURNO 04



Sammy optou por seguir o bandidinho, correndo atrás dele. Durante o percurso passou por algumas casas de madeira misturada com pedra, blocos e mais blocos empilhados um em cima do outro para formar paredes e muros. Algumas camadas das paredes eram de madeiras, o mesmo vale para o telhado e teto, que eram feitos de pedra mas com camadas de madeira.

Após passar da subida que aquela rua proporcionava, a pessoa encapuzada correu entre os becos das casas que haviam mais a frente. Enquanto Sammy seguia o meliante, notava que pessoas curiosas que iam ver o ocorrido, fechavam as janelas ao ver o rapaz. Eles ignoravam totalmente o ocorrido.

O fugitivo notou que estava sendo seguido e começou a fazer alguns caminhos para tentar perder Sammy de vista, o que deu certo no fim. Sammy acabou sozinho em um corredor que levava a um muro de madeira pontudo. Sem saber por onde o fugitivo havia conseguido escapar.

- Quem é você garoto? Nunca te vi por aqui... - De repente Sammy ouviu uma voz feminina vindo de suas costas - Porque seguiu quela pessoa?

A mulher que Sammy viu tinha um cabelo loiro claro, quase platinado, preso em rabo de cavalo e com um longa franja. Tinha olhos verdes e usava óculos. Usava uma roupa de couro bem apertado, com um uma jaqueta bem grande caindo aos seus braços. Segurava um chicote em sua mão esquerda. Sua expressão estava séria, levemente irritada.

[Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar este link]

description[Nature Island] Derrote-me se for capaz EmptyRe: [Nature Island] Derrote-me se for capaz

more_horiz
Sammy ao correr atrás do meliante, percebeu algumas casas bem rudimentares, em seu pensamento.
Sammy Kurosaki (Pensamento) escreveu:
Nossa, essas casas tem uns formatos estranhos, será que aqui é região antiga de vila? Se for, aí aí, estarei correndo talvez perigo.

Deixa eu ficar atento.

.

Conforme ainda correndo, vejo a pessoa encapuzada entrando em becos de casas. Passando por esse becos, Sammy olhava algumas pessoas olhando pela janelas da casa e fechando logo em seguida. Onde mais um pensamento surge.

Sammy Kurosaki (Pensamento) escreveu:
Essas pessoas olham para mim desconfiadas e depois fecham as janelas, parecem que eles estão com medo de mim ou será que tem alguém fazendo eles ter medo?


Sammy percebe que o ladrãozinho de comida, percebe sua presença, o mesmo começa fazer uns caminhos muito mais rápidos até que perco de vista e me acabo sozinho em um corredor com um muro de madeira pontudo, sem saber onde foi o assaltante de comida e com o pensamento.

Sammy Kurosaki (Pensamento) escreveu:
Droga!!! Perdi ele de vista.
Será que ele escapou?


Com as mãos já em sua espada para sacar e um pouco frustado, percebe uma voz feminina atrás dele, me viro e respondo um pouco assustado, suando frio e sério.

Me chamo Sammy Kurosaki, e não sou dessa ilha. Estou em aventura. Sammy falou convicto, sério, mas assustado.

Qual é o seu nome Senhora?

Porque estava seguindo esse ladrãozinho de comida? Simples, depois de chegar de uma viagem em carona de um navio, vim para essa ilha começa minha aventura. Ao passar pelo centro na vila, onde tinha um feira que vendia várias coisas, resolvi me encostar numa árvore para descansar um pouco e prestar atenção se algo acontece. Até que vejo um mulher da feira gritando e vejo uma pessoa com um manto com capuz preto.

Então corri atrás dele para saber porque fez isso?, E tentar orientar essa pessoa a devolver ou saber os motivos.

Porque quero ser um Pirata, Bondoso e Honesto!

Sammy ao falar essa coisas, olha bem para mulher e ver algo exuberante, com esse cabelos loiros claros, quase platinado e com um franja longa, com uma roupa de couro apertada no corpo, e segurando um chicote na mão esquerda. Sammy pensa o seguinte.

Sammy Kurosaki (Pensamento) escreveu:
Esse mulher é bonita, nunca vi ninguém assim, onde vivia com meus pais.
Mas que corpo ela tem.
Estou preocupado também, pois sentido que irritada com algo e vejo no rosto dela uma expressão séria.


[Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar este link]

description[Nature Island] Derrote-me se for capaz EmptyRe: [Nature Island] Derrote-me se for capaz

more_horiz
TURNO 05



Sammy respondeu honestamente e de forma séria a pergunta recebida, demonstrando em suas palavras, e de certa forma por atitudes, como ele realmente era. O semblante da mulher mudou um pouco, virou o típico olhar de menosprezo de vilões dos animes. De repente ela começou a rir

[Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar esta imagem]

- PFT... ... HAHAHAHAHA AHAHAHAHAH AHA HAHAHAHAHA - A mulher riu na cara do jovem, riu ao ponto de colocar as mãos na barriga - Faz tempo que não escuto isso por essas bandas... - Limpou um projeto de lágrima que ameaçou sair dos olhos - Uma criança que não sabe nada do mundo é sempre engraçado de ver.

Assim que terminou de falar seu semblante perdeu o ar irritado e de menosprezo, estava apenas sério. Ela alongou o pescoço para a direita e logo depois para a esquerda. - Tu não precisa saber meu nome. Você vem comigo. - Disse ao mesmo tempo que fez um movimento com seu chicote, fazendo soar o estalo no chão. De repente a arma se movimentou como uma cobra e foi na direção de Sammy.

O chicote estava indo na diagonal, de cima para baixo.

[Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar este link]

description[Nature Island] Derrote-me se for capaz EmptyRe: [Nature Island] Derrote-me se for capaz

more_horiz
Sammy Kurosaki (Pensamento) escreveu:
Ela está menosprezando? Aff.
Porque a primeira pessoa que acho forte, faz isso?
Vai saber?


Sammy ao pensar isso, percebes que está Senhora começou a rir, fala o seguinte.  – Há Há Há, muito engraçado né?! Faz tempo que não escuta isso,  porquê? Posso ser considerado como criança, mas não sou, e até não posso saber nada mas irei descobrir tudo.– Sammy com um expressão séria e suando frio em seu rosto, sua mão na bainha da espada pronto para sacar, só esperando um movimento.

Sammy pressente uma sensação ruim e pensa.
Sammy Kurosaki (Pensamento) escreveu:
Ela está mudando a expressão de menosprezo para sério, ela vai me atacar. Já vou ficar pronto para qualquer coisa.


Sammy presta atenção o que ela diz e ver o o movimento do chicote indo em sua direção, rapidamente saca a espada e tenta cortar o chicote que está vindo pela diagonal de cima para baixo, e fala bem alto.

Estava sendo educado, conforme meus pais ensino, mas já que não quer falar, fazer o que?! NÃÃÃO VOU COM VOCÊ, TENTE!

[Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar este link]

description[Nature Island] Derrote-me se for capaz EmptyRe: [Nature Island] Derrote-me se for capaz

more_horiz
TURNO 06



Agora sem o foco de seguir o meliante, Sammy pôde parar para olhar os arredores. O corredor não era largo, mas também não era estreito o suficiente para atrapalhar a mulher de usar o chicote. Agora de frente para o corredor e de costas para o muro, na visão de Sammy, havia algumas caixas do lado esquerdo do que seria a entrada, alguns metros atrás da mulher. Do lado direito havia um barril fechado, não dava para saber se estava cheio ou vazio. Havia alguns canos ligados a calhas que desciam das paredes. Nessa altura do campeonato o corredor virara um beco, visto que estava entre duas casas. Não havia janelas e nem portas nas paredes.

O combate havia começado, Sammy disse algumas palavras levemente irritado pelo desdenho da mulher. Era compreensível ele cair no golpe dela, visto que não tinha experiencia em combate e as provocações da mulher atingiram um ponto que todo jovem não gosta de ouvir: ser chamado de criança. Assim que notou o movimento do chicote, o rapaz tentou corta-lo com um movimento de sua espada.

A espada de Sammy ameaçou cortar o chicote mas não surtiu efeito, assim que as duas armas entraram em combate o chicote deu duas voltas na lâmina e a mulher começou a puxar. Sammy sentiu a força contrária ameaçando tirar a espada de sua mão.

Se não pensasse em alguma solução ficaria desarmado em alguns segundos.

[Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar este link]

description[Nature Island] Derrote-me se for capaz EmptyRe: [Nature Island] Derrote-me se for capaz

more_horiz
Sammy olha para todas direções rapidamente percebe algumas coisas úteis que pode ajudar em batalha, e voltar focar os seus olhas para Senhora na sua frente com o Chicote.

Sammy irritado com a situação pensar nas seguintes opções.

Sammy Kurosaki (Pensamento) escreveu:
Droga, a espada da minha mãe (Hinata Infinita) não foi capaz de corta esse chicote.

E ainda mais esse chicote se enrolou na lâmina, estou sendo puxado, DDDDDRRRRROOOOOGGGGGAAAAA!!!!

Me deixa pensar com calma.


Sammy de irritado com tudo que está acontecendo, ao pensar isso, começa a respirar forte e soltar o ar pela boca, tirando o estado de irritação e nervosismo e começa pensar em maneiras de como se defender e atacar.

Sammy Kurosaki (Pensamento) escreveu:
Bom, atrás de mim tem um muro. Caso solte as mãos da espada não serei puxando e ficarei sem minha espada, mas posso avançar nesse meio termo para atacar ela.

Caso avance para encurta a distância entre mim e ela, talvez o chicote fica frouxo e solte a espada, posso fazer uma investida nela com a espada.

Droga, só tem no momento duas maneiras de lidar com essa situação, preciso vencer e vencer custe o que custar.


Sammy depois dos seus pensamentos, começa agir de maneira diferente mais sério que nunca e calmo, e começa avançar para cima da Senhora tentando ver se o chicote desprende da lâmina e encurtando mais a distância para mais um ataque.

Nesse momento Sammy em seu pensamento.

Sammy Kurosaki (Pensamento) escreveu:
Minha primeira batalha de verdade, não quero te decepcionar mãe, vou lutar com tudo que tenho no momento, tudo que vocês me ensinaram pai e mãe.


[Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar este link]

description[Nature Island] Derrote-me se for capaz EmptyRe: [Nature Island] Derrote-me se for capaz

more_horiz
TURNO 07



O jovem Sammy tinha acabado de sair para sua aventura e chegado na sua primeira ilha, não demorou muito para logo dar de cara com um combate. Seus pais não ensinaram técnicas para o rapaz, mas ele possuía um domínio do uso de suas armas relativamente bom para um iniciante. Desenrolar o chicote da arma demanda mais "jeito" do que "força", e Sammy tinha esse jeito.

Assim como Sammy tinha o jeito com sua espada, a mulher tinha o jeito com o chicote. Sammy não possuía experiencia de combate e a decisão de se aproximar foi quase instintiva, uma necessidade na realidade, não porque o chicote é uma arma de médio/longo alcance e combates a curta distância tiraria essa vantagem, mas porque ele mesmo precisava se aproximar do alvo para corta-lo com sua espada.

Tendo essa pensamento instintivo em mente, o rapaz se acalmou e bolou um plano para se aproximar da mulher enquanto tentava soltar sua espada das voltas do chicote. O jovem não teve nenhum plano em mente para fazer o chicote se soltar, mas o fato de Sammy ter corrido na direção dela fez a força contraria imposta ao rapaz diminuir. A mulher foi para trás e para não cair deu um passo, por conta da força que ela mesma fazia. Sammy tentou usar desse timming para se aproximar da mulher com sua velocidade e desferir um golpe, mas não foi possível.

A mulher era mais rápida que Sammy mesmo durante um leve desequilíbrio, ela deu um chute no estômago do rapaz, que o fez para a investida e colocar a mão no lugar, que ficou dolorido. O chute doeu, porem não foi nada insuportável, não causou maiores danos. Sammy sentiu o salto da mulher acertando seu estômago.

- Você é mais resistente do que aparenta - Disse a mulher. Sem dizer mais nada a mulher moveu seu chicote que estava esticado no chão.

Assim que o chicote desenrolou da arma do rapaz, ele ficou estirado no chão, esperando a ação da mulher. Essa ação veio agora. Ela puxou o chicote e ele se enrolou na perna direita de Sammy, que foi ao chão após uma rasteira. Com um movimento da mulher, o chicote soltou da perna do rapaz e ela começou a chicoteá-lo no peitoral, visto que ele caiu de barriga para cima.

*SLAP* Acertou uma vez... *SLAP* *SLAP* Duas vezes... *SLAP* *SLAP* *SLAP* Três vezes... Acertou ainda no estômago, onde estava dolorido por conta do chute. Sammy sentia seu corpo superior todo dolorido, ardendo e coçando. Dava pra sentir pulsações dos músculos como resposta ao "estimulo" externo. Se não fosse sua resistência, teria sofrido danos internos na primeira chicotada.

O rapaz estava caído, dolorido, sujo, com sua blusa toda rasgada e suja de sangue, alem de seis marcas de chicote por todo seu peitoral... Nenhuma chicotada acertou seu rosto.

Em nenhum momento o rapaz largou sua espada.

- Agora... você... vem comigo... - Disse a mulher pausadamente, claramente sem fôlego.

[Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar este link]

description[Nature Island] Derrote-me se for capaz EmptyRe: [Nature Island] Derrote-me se for capaz

more_horiz
Sammy ao ir para cima, percebe que não consegue acerta um golpe na Senhora. Ao ver um pequeno desequilíbrio dela, tenta fazer outro golpe mas recebe um chute no estômago.

[Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar esta imagem]
Imagem ilustrativa

Então Sammy fica com uma postura corporal meio agachado, e seu rosto possui uma expressão de cara séria, com os olhos trêmulos e com a boca soltando uma saliva vinda do estômago, garganta e boca tudo junto, fazendo tirar uma mão esquerda da espada para colocar em sua boca e limpar com a parte contrária da mão. 

Sammy depois de limpar sua boca coloca a mesma mão em sua barriga, ouve o que disse a Senhora e responde.

Rammm, isso não é nada. Posso resistir mais que isso, a Senhora na viu nada ainda de minha resistência. – Sammy só mostra um sorriso para Senhora, com um olhar sério e meio ofegante pelo chute que recebeu.

Sammy ao perceber que o chicote saiu da lâmina e pensou o seguinte.

Sammy Kurosaki (Pensamento) escreveu:
O que ela irá fazer?


Sammy antes de terminar quase toda a frase em seu pensamento, ver o movimento dela fazendo o chicote se enrolar na perna direita e tenta falar algo.

Que?!

Logo em seguida, Sammy cai de costa no chão com essa rasteira, deixando o braço esticado segurando a espada com a mão em sua direita  e seu outro braço para outro lado esticado com mão em sua esquerda. 

Sammy estando nessa situação, começar a receber chicotadas em seu peito e começa a falar.

-Hmm. Hmm. HMmm. HMMm. HMMM. HMMMM. HMMMMMMMMMMM.

Sammy Kurosaki (Pensamento) escreveu:
Aí droga, está doendo, está ardendo essas chicotadas e ainda mais coçando onde foi as batidas.  Parece que meu corpo está pulsando.
Obrigado Pai, por em ensinar aquele estilo de luta forçado. Se não fosse por isso estaria agora muito machucado com danos em órgãos.


Sammy com a cabeça meia abaixada com os cabelos cobrindo os olhos, ouve a Senhora sem fôlego dizer e começo me virar um lentamente ficando de costas para ela. Já virado, apoio minhas mãos no chão e começo flexionar os joelhos para se levantar. 

Sammy já levantado, mas com os joelhos dobrados e corpo com uma postura corcunda, segurando firme com seu braço e mão direita espada, colocando a espada no centro dele e colocando o outro braço com a mão esquerda em sua espada, e segurando firme fala.

Não irei com a Senhora. Para ir com você, tem que me deixar inconsciente e me arrastar, caso contrário não irei se mover e somente irei me mover para atacar a Senhora. – Disse Sammy, com uma voz muito séria e com olhar extremamente sério que exalava uma aura de pureza.

[Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar este link]

description[Nature Island] Derrote-me se for capaz EmptyRe: [Nature Island] Derrote-me se for capaz

more_horiz
TURNO 08



Sammy consegue se levantar sem problemas, suas pernas não haviam tomado chicotadas. O rapaz conseguiu mover seus braços e com isso segurou mais forte sua espada. A mulher estava ofegante e era uma chance de Sammy tentar alguma investida, ou alguma outra coisa, mas o rapaz não fez nada. Sua falta de experiência em combate pode ter sido um fator importante nesse momento.

Assim que se levantou, Sammy entrou em posição ofensiva/defensiva, com a sua espada posicionada ao seu centro, mas não fez nada. Por Sammy não ter tido a iniciativa, a mulher se adiantou e balançou o chicote na horizontal. Com essa ação, a arma da mulher se enrolou no braço esquerdo de Sammy e ele foi arremessado contra a parede que havia ao seu lado.

Assim que Sammy bateu na parede o chicote se desenrolou e a mulher começou a chicotear Sammy nas costas e braços. Dessa vez o rapaz havia caído de barriga para baixo. *SLAP* Acertou uma vez... *SLAP* *SLAP* Duas vezes... *SLAP* *SLAP* *SLAP* Três vezes...

Sammy estava caído no chão todo ensanguentado, não conseguia se mover direito. Seus braços estavam tremendo e ele não tinha mais força para segurar sua espada. Seu corpo começou a ter espasmos e o jovem sentia o sangue na garganta. Diferente da primeira leva de chicotadas, essa foi mais pesada. As marcas eram mais profundas e deixariam cicatrizes. Sangue escorria de cada lapada que ele tomou.

- Como eu disse... agora você vem comigo... - Disse a mulher, sem fôlego. Com um movimento de mão ela puxou o chicote e o prendeu em sua perna. Ela começou a andar lentamente na direção de Sammy, que estava no chão, todo acabado. O rapaz estava consciente e ouvia o barulho do salto se aproximando devagar. Não tinha mais o que ele fazer, a unica parte do seu corpo que não doía eram as pernas.

- Se tivesse vindo desde o começo, nada disso teria acontecido - Disse a mulher já ao lado do corpo de Sammy. Mesmo no chão o rapaz conseguiu virar e olhar para ela. Notou que estava suada, possivelmente por conta dos movimentos com o chicote. No exato momento que ela ia marrar o chicote no pescoço dele para leva-lo para sabe-se lá onde, algo inesperado aconteceu.

*FUUUUUSH* Uma flecha, vinda de cima de uma das casas que fazem parte daquele beco, acertou o ombro da mulher, que deu um salto para trás no reflexo. De cima da casa estavam duas pessoas, uma segurando espada e outra com um arco e flecha. Ambos usavam uma máscara branca, porem Sammy não conseguia ver mais detalhes por estar caído.

- Agora você não escapa, Karen - Disse uma das vozes, que aparentava ser de uma garota por causa do tom de voz. Para Sammy não dava pra saber de qual dos dois mascarados a voz vinha, mas Karen certamente sabia sabia - Tsc... - Resmungou Karen. Mais uma flecha voou na direção dela mas dessa vez ela rebateu com seu chicote, em seguida pegou uma bomba de fumaça e tacou no chão. A fumaça cobriu o beco todo e a visão ficou completamente bloqueada. Após alguns minutinhos a fumaça se esvaiu e a mulher havia sumido.

- Ta vivo? - Uma voz perguntou a Sammy, era a mesma voz feminina de antes. Sammy não conseguia vê-los porque ambos estavam vindo do seu ponto cego. Pela dor em seu corpo, o rapaz não conseguia virar e nem se mexer. Pelos passos se aproximando era possível notar que eram duas pessoas.

[Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar este link]
Permissões neste sub-fórum
Não podes responder a tópicos