Fórum NS Animes - Discussões incríveis sobre animes e mangás!
Bem vindo ao maior fórum de animes de Brasil & Portugal!

Não deixe de registrar sua conta para poder participar do fórum! Leia nossa POLÍTICA DE PRIVACIDADE e configure suas opções de privacidade: https://www.forumnsanimes.com/privacy (ao acessar nosso site, você aceita nossas políticas de privacidade)

Poste 5 mensagens no fórum para ativar o seu primeiro rank e começar sua jornada! Aqui, você irá fazer amigos, participar de eventos, subir de rank e até ganhar prêmios!

Fórum NS Animes - Discussões incríveis sobre animes e mangás!
Bem vindo ao maior fórum de animes de Brasil & Portugal!

Não deixe de registrar sua conta para poder participar do fórum! Leia nossa POLÍTICA DE PRIVACIDADE e configure suas opções de privacidade: https://www.forumnsanimes.com/privacy (ao acessar nosso site, você aceita nossas políticas de privacidade)

Poste 5 mensagens no fórum para ativar o seu primeiro rank e começar sua jornada! Aqui, você irá fazer amigos, participar de eventos, subir de rank e até ganhar prêmios!

Fórum NS Animes - Discussões incríveis sobre animes e mangás!
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.

Fórum NS Animes - Discussões incríveis sobre animes e mangás! Conectar-se

Meritocracia

descriptionMeritocracia EmptyMeritocracia

more_horiz
AS CONQUISTAS ALI DO PERFIL DEVEM FICAR AQUI!
Vocês acreditam nela?

descriptionMeritocracia EmptyRe: Meritocracia

more_horiz
AS CONQUISTAS ALI DO PERFIL DEVEM FICAR AQUI!
Claro. A meritocracia é o que leva as pessoas a buscar melhorias em si próprias. Sem meritocracia, não vai importar se você é o melhor ou abaixo da média. Aliás, é impossível a inexistência da meritocracia, afinal, ela rege inclusive as relações humanas em si. Mas deixando de lado a questão mais conceitual, eu acredito que a meritocracia é o sistema mais justo possível, se tornando perfeita quando houver igualdade de direitos e oportunidades.

descriptionMeritocracia EmptyRe: Meritocracia

more_horiz
AS CONQUISTAS ALI DO PERFIL DEVEM FICAR AQUI!
Não.

Meritocracia só é válida e justa em condições de igualdade social, econômica e cultural.

Um jovem pobre, cujo pai sustenta a casa apenas com um salário mínimo, estudante de escola pública do seu bairro e morador da periferia de São Paulo. Não tem acesso a bens de consumo culturais (cinema, por exemplo) e materiais (computador, por exemplo).

Um jovem rico, cujo pai recebe mensalmente 30 salários mínimos, estudante da melhor escola privada do país e morador do bairro de Higienópolis em São Paulo. Tem acesso a cultura (estuda francês e inglês no melhor centro de idiomas do país), viaja de vez em quando aos EUA e Europa, tem motorista particular e acesso a bens materiais caríssimos (computador e celular da APPLE, por exemplo).

Um jovem de classe média, cujo pai ganha mensalmente 5 salários mínimos, estudante de escola privada, morador de bairro nobre, tem acesso a bens culturais e materiais, tais como cinema, computador e celular de marca cara. Recebe uma mesada do pai, vai de transporte particular pra escola.

Desses três jovens, qual tem condições de passar no ENEM ou na FUVEST pra medicina, engenharia ou direito?

descriptionMeritocracia EmptyRe: Meritocracia

more_horiz
AS CONQUISTAS ALI DO PERFIL DEVEM FICAR AQUI!
Meritocracia só é válida e justa em condições de igualdade social, econômica e cultural.


E o que é igualdade cultural? Um país com cultura homogênea? Isso é uma coisa boa pra tu Chapéu?

:nietz2:

descriptionMeritocracia EmptyRe: Meritocracia

more_horiz
AS CONQUISTAS ALI DO PERFIL DEVEM FICAR AQUI!
@Chapéu de Palha E como funcionaria isso "em condições de igualdade social, econômica e cultural"?

Em primeiro lugar, se há condições de igualdade social e econômica, por que alguém haveria de se esforçar, sendo que não conquistará nada novo (por questões de igualdade)?

Mas mesmo partindo de sua sociedade socialista, como a meritocracia poderia existir, já que tratar diferente alguém que se esforça menos, você estaria necessariamente acabando com as próprias condições de igualdade social e econômica?

Me parece um discurso esquerdista padrão que parece "bonitinho" em suas palavras, mas que não faz o mínimo sentido na prática (ou até na teoria pros bons entendedores).



PS: E quanto às escolas públicas ruins, você teve 13 anos pra reclamar disso pro PT, que praticamente jogou a educação básica pública no lixo. :P

descriptionMeritocracia EmptyRe: Meritocracia

more_horiz
AS CONQUISTAS ALI DO PERFIL DEVEM FICAR AQUI!
@Wolfgang escreveu:
Meritocracia só é válida e justa em condições de igualdade social, econômica e cultural.


E o que é igualdade cultural? Um país com cultura homogênea? Isso é uma coisa boa pra tu Chapéu?

:nietz2:


Vou te dá um exemplo muito simples:

Na Dinamarca e na Suécia, todo jovem tem condições de ir ao cinema toda semana. Já um jovem pobre, morador da periferia de São Paulo ou do Rio de Janeiro, por exemplo, não tem condições de ir ao cinema com frequência, alguns deles vão uma vez ou duas por ano. O cinema é um bem cultural que pode ser consumido, e nem todos tem a acesso a essa cultura, sobretudo aqueles que moram em cidades que não há cinema e nem shopping center.

Por exemplo, ter acesso a cultura é também ir ao teatro ver uma peça, ir ao circo ver uma performance de malabarismos, ir a bibliotecas ler livros; ir a livrarias comprar livros e/ou acompanhar lançamentos; ir a shows de rock, pop e outros gêneros musicais. Tudo isso é cultura. Aqui no Brasil, as classes que tem acesso a essa cultura são, geralmente, as classes médias e as elites.

É nesse sentido que pus a questão xau

descriptionMeritocracia EmptyRe: Meritocracia

more_horiz
AS CONQUISTAS ALI DO PERFIL DEVEM FICAR AQUI!
Vejo que as pessoas envolvidas nessa conversa estão cometendo um erro muito comum: Vocês estão confundindo meritocracia com justiça ou acreditando que as duas coisas vem acompanhadas. Acontece que um sistema meritocrático puro, onde cada pessoa tem exatamente e apenas o que merece, tecnicamente seria impossível. Afinal, uma criança merece os pais que tem? Ou as boas condições de vida que vem com eles? Uma criança merece passar fome porque seu pai não se "esforçou o bastante" e outra merece a empresa que ganhou do pai que foi o único a exercer esse esforço? Só por aí já é totalmente impossível. Além disso, como a meritocracia se baseia no esforço, ela esquece as condições naturais das pessoas, que por si só são diferentes. Por exemplo, uma pessoa com TDAH precisa fazer muito mais esforço que uma pessoa normal para conseguir boas notas na escola ou exercer seu trabalho corretamente. Uma pessoa com problemas nas pernas precisaria de um acesso a uma incrível tecnologia para ser capaz de competir numa corrida com uma pessoa normal, o que não depende apenas de seu esforço. Se pensar por esse lado, um sistema que funciona só e puramente com base no esforço e no merecimento de uma pessoa não pode existir na sociedade.

Porém, segundo o espiritismo, poderia ocorrer espiritualmente. Isso porque todos os seres nasceram simples e ignorantes e passaram por vários tipos de encarnações semelhantes, com as mesmas lições, para chegarem ao que são hoje. Então podemos dizer que, espiritualmente, o sistema meritocrático ocorre diariamente desde o início dos tempos. Porém, mesmo nesse sistema meritocrático, onde você tem acesso àquilo que você conquista, isso não significa que espíritos igualmente evoluídos vão viver da mesma forma, com tudo aquilo ao que têm direito. Isso porquê existem diferentes formas de se evoluir, e cada espírito tem a sua própria "estratégia de evolução". Um pode optar por ter uma encarnação como médico salvando várias vidas e descobrindo a cura para o câncer, enquanto outro pode escolher nascer cego, surdo e mudo e ter uma vida horrível em prol de "afogar" seus pecados à força e não precisar mais lidar com a culpa por algo horrível que fez numa vida anterior, ou mesmo porque as vidas mais duras são as que trazem mais aprendizados. Por isso, mesmo nesse sistema meritocrático você não pode dizer o nível de mérito de uma pessoa apenas pelo que ela tem, pois o livre-arbítrio "cancela" essa ideia óbvia de que duas pessoas com os mesmos direitos e oportunidades vão acabar tendo condições de vida semelhantes.

Portanto, essa meritocracia espiritual é um exemplo de "meritocracia justa", mas mesmo assim as noções de justiça não são iguais às nossas, pois podemos ver apenas uma parte do processo, além de sermos incapazes de lermos mentes para saber se uma pessoa está em tal situação inferior porque ela quer ou porque ela merece. Veja que curioso, vamos supor que estamos fazendo um experimento. Temos 5 crianças e dizemos para elas que, dependendo de suas notas em um certo teste, elas vão ter acesso a doces diferentes para terem como recompensa. Nisso, temos que uma criança fecha a prova, outra tira 8, outra 6, outra 4 e outra não acerta apenas uma. Vamos considerar que todas essas crianças foram criadas da mesma forma e tem o mesmo QI, assim como as mesmas experiências e tiveram, antes da prova, o mesmo acesso a materiais de estudo, para que tenhamos certeza de que todas tiveram exatamente as notas que mereciam. Assim, a criança que fechou a prova teve acesso ao doce mais delicioso, uma torna de limão. Mas ela não gosta de limão e seu doce favorito é o bombom de brigadeiro, que foi recebido pela criança que tirou 6. Já a criança que acertou uma questão teve acesso a uma bala de maçã verde, o doce mais fraco, mas acontece que é o doce favorito da criança. Para sermos justos, vamos então dar à criança que tirou total o direito de escolher seu doce favorito e vamos dar à criança que acertou apenas uma questão o doce que ela menos gosta. Agora, a criança que recebeu 8 tem outro problema, porque ela recebeu um bolo com nozes, e ela é alérgica, e a criança que tirou 4 recebeu um pequeno pote de sorvete de creme, mas ela sequer gosta de doces, então nenhum dos prêmios a atrai. A criança que tirou 6 realmente adora bombom de brigadeiro, mesmo não sendo seu favorito, então deveria ser uma vitória justa, mas ironicamente ela acabou com o mesmo prêmio da pessoa em primeiro lugar. Podemos chamar isso de meritocracia?

Viram como a coisa é complexa? A meritocracia é termo que supõe um regime muito complexo como se fosse algo simples. As pessoas são muito diferentes para que possam viver uma vida justa de acordo com seu mérito. Justiça e meritocracia, inesperadamente para muitos, são termos que não combinam. A justiça só existe com a igualdade, mas a meritocracia causa uma desigualdade. Muitos negam essa realidade pois, quando pensam em justiça como igualdade pensam que o bandido vai ter as mesmas oportunidades que uma pessoa boa e consideram injusto, mas não dar a ele as mesmas oportunidades significa que mesmo que ele queira mudar e esteja disposto a se esforçar ele não vai ser capaz de ter uma vida compatível a alguém que se esforça igualmente, o que significa que não das as mesmas oportunidades a um bandido acaba indo contra o que seria a meritocracia, que vocês acreditam ser a verdadeira justiça. Mais uma vez, tentam simplificar um conceito infinitamente complexo.

Por isso, eu não acredito no termo "meritocracia" pois acho que ela é diferente do que diz seu conceito.

PS: Eu não estou aqui discutindo se a meritocracia é boa ou ruim, nem se a justiça é positiva ou negativa. Eu estou apenas expressando a minha ideia de que a meritocracia não funciona da forma como tecnicamente deveria, assim como a justiça.

descriptionMeritocracia EmptyRe: Meritocracia

more_horiz
AS CONQUISTAS ALI DO PERFIL DEVEM FICAR AQUI!
Não. É superficial e falso.

descriptionMeritocracia EmptyRe: Meritocracia

more_horiz
AS CONQUISTAS ALI DO PERFIL DEVEM FICAR AQUI!
Não! Não possuí uma base coerente.

descriptionMeritocracia EmptyRe: Meritocracia

more_horiz
AS CONQUISTAS ALI DO PERFIL DEVEM FICAR AQUI!
Isso de pais que têm dinheiro pra colocar os filhos em escolas privadas e os que estudam em escolas públicas não é problema da meritocracia, mas sim da falta de qualidade na educação pública. E sobre o acesso à cultura, será que realmente não há acesso? Ou os jovens só estão mais preocupados em ir assistir os Vingadores no cinema do que ir numa biblioteca pública pra ler um livro?

Não há nada mais justo e óbvio que dizer que os que mais se esforçarem e que conseguirem mais resultados devem ter recompensas maiores. Não acreditar nisso não faz sentido. Se a pessoa que não acredita na meritocracia está com dor no dente, e há dois dentistas, um bom e um péssimo, ela vai escolher o péssimo? É claro que não.

descriptionMeritocracia EmptyRe: Meritocracia

more_horiz
AS CONQUISTAS ALI DO PERFIL DEVEM FICAR AQUI!
@Lipert escreveu:
Isso de pais que têm dinheiro pra colocar os filhos em escolas privadas e os que estudam em escolas públicas não é problema da meritocracia, mas sim da falta de qualidade na educação pública. E sobre o acesso à cultura, será que realmente não há acesso? Ou os jovens só estão mais preocupados em ir assistir os Vingadores no cinema do que ir numa biblioteca pública pra ler um livro?

Não há nada mais justo e óbvio que dizer que os que mais se esforçarem e que conseguirem mais resultados devem ter recompensas maiores. Não acreditar nisso não faz sentido. Se a pessoa que não acredita na meritocracia está com dor no dente, e há dois dentistas, um bom e um péssimo, ela vai escolher o péssimo? É claro que não.


Pô, mas o negócio não funciona, fazer o quê? Eu até disse isso no meu comentário anterior. No final, quem ganha mais não é quem se esforça mais, é quem já nasce com vantagens pra início de conversa. Mesmo que uma pessoa que começa mais baixo na sociedade acabe enriquecendo, a verdade é que ela não ganhou mais pelo seu esforço, porque o filhinho de papai que não se esforçou nada chegou ali também. Meritocracia é um mito cor de rosa não-aplicável, igualzinho o comunismo.

descriptionMeritocracia EmptyRe: Meritocracia

more_horiz
AS CONQUISTAS ALI DO PERFIL DEVEM FICAR AQUI!
Na Noruega talvez eu acredite na existência da meritocracia 

Porém não dá para acreditar na exceção quando se trata desse assunto, então minha resposta é: não, não acredito 

Existem até estudos que desmentem a meritocracia no mundo em que vivemos, a Universidade de Nova York comprovou que nascer em uma família abastada supera habilidades natas.

Triste né

Link da matéria para quem se interessar:  https://super.abril.com.br/ciencia/sucesso-depende-mais-da-origem-do-que-do-talento-diz-estudo/

descriptionMeritocracia EmptyRe: Meritocracia

more_horiz
AS CONQUISTAS ALI DO PERFIL DEVEM FICAR AQUI!
É, se um menino rico vira um bom engenheiro ele não merece mérito nenhum. Afinal ele era rico, sempre teve acesso a educação particular para estudar o dia inteiro e o papai dele pagou uma boa faculdade para ele estudar o dia inteiro também.

Podia virar um vagabundo drogado eternamente dependente da família riquinha, mas preferiu estudar nos melhores e mais difíceis meios para virar um bom engenheiro e criar uma empresa. Mas ele não merece reconhecimento nenhum, nem mais que um mendigo que ele decidiu empregar, simplesmente pelo fato de ter nascido rico. Agora se um menino "pobre" (entre aspas pois apesar de usufruir de serviços públicos não teve muitas dificuldades na vida) consegue exercer a mesma profissão, merece todo reconhecimento e até um filme.

:guei:

descriptionMeritocracia EmptyRe: Meritocracia

more_horiz
AS CONQUISTAS ALI DO PERFIL DEVEM FICAR AQUI!
Depende do como vc quer considerar o conceito.

Pelo viés de "até onde o sujeito vai na vida", realmente nunca vai existir perfeitamente pq as pessoas são diferentes. Até a própria amplitude do conceito se contradiz. Ao se dizer q o justo é q a pessoa que tenha mais talento e q se esforce mais tenha um resultado melhor, já se cai em uma contradição, afinal ao ter mais talento, vc precisa de menos esforço pra compensar. Qual dos dois é mais justo?

Agora como critério de escolha, é algo até óbvio q praticamente todo mundo faz. Exemplo do @Lipert, se vc tem condições de ir em dois dentistas resolver o seu problema, é óbvio q vc vai procurar o melhor dos 2. Ao ir num show ou comprar um cd, a pessoa acaba procurando o artista q mais lhe agrada, mesmo q os critérios sejam pessoais. Escolher um restaurante pra comer, vc procura a melhor comida, para o seu gosto, dentro do preço.

Entrando no setor público, a meritocracia ajuda bastante. No viés de educação, vestibular, com ou sem cota, já é uma forma de meritocracia. O recurso pra educação é público e vem de imposto pago por todos, eliminar a meritocracia seria fazer um sorteio de vagas. Ou juntar prefeito da cidade e governador e dar a vaga pra amigos, seguidores políticos, etc. E esse segundo aconteceu por muito tempo no Brasil com cargos públicos. Até hj tem servidor q entrou pela janela, como dizem, colocado lá por nepotismo ou apadrinhamento político.

No setor privado, os exemplos são análogos. Meritocracia é a pessoa com melhor desempenho (seja em serviço, capacidade de gestão, trabalho em equipe, ou qualquer critério lógico) ser promovida, ganhar gratificação, etc. O contrário é um amigo do chefe ou alguém q bajula, chegar lá com um desempenho muito pior.

O q eu penso pessoalmente é q não existe nem nunca vai existir uma proporção direta e perfeita entre sucesso e esforço/talento afinal as pessoas são diferentes, tem famílias diferentes (e aqui não é só questão de dinheiro, quem cria pode passar valores q te ajudam ou q te atrapalham) e vivem vidas diferentes. Então se a visão de meritocracia de vcs for essa, realmente não existe, mesmo em um país desenvolvido. Mas princípios de meritocracia aplicados nas relações humanas são bastante positivos. Na ausência deles, voltamos pra sistemas como poder hereditário, nepotismo, etc.

descriptionMeritocracia EmptyRe: Meritocracia

more_horiz
AS CONQUISTAS ALI DO PERFIL DEVEM FICAR AQUI!
Zeno escreveu:
É, se um menino rico vira um bom engenheiro ele não merece mérito nenhum. Afinal ele era rico, sempre teve acesso a educação particular para estudar o dia inteiro e o papai dele pagou uma boa faculdade para ele estudar o dia inteiro também.

Podia virar um vagabundo drogado eternamente dependente da família riquinha, mas preferiu estudar nos melhores e mais difíceis meios para virar um bom engenheiro e criar uma empresa. Mas ele não merece reconhecimento nenhum, nem mais que um mendigo que ele decidiu empregar, simplesmente pelo fato de ter nascido rico. Agora se um menino "pobre" (entre aspas pois apesar de usufruir de serviços públicos não teve muitas dificuldades na vida) consegue exercer a mesma profissão, merece todo reconhecimento e até um filme.

:guei:


Permissão neste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum